Porto Alegre/RS cbimbi@terra.com.br

Agende sua consulta

Hemangiomas

O que é um hemangioma da pele?

               Um ‘hemangioma’ (grego para crescimento de vasos sanguíneos) da infância é um supercrescimento benigno (não canceroso) de células dos vasos sanguíneos que é autolimitado (parará de crescer sem tratamento).

O que causa hemangiomas da infância?

               A causa dos hemangiomas não é compreendida. As células que revestem os vasos sanguíneos (células endoteliais) começam a crescer demais quando o bebê ainda está no útero da mãe ou logo após o nascimento. Os hemangiomas da infância são mais comuns em crianças brancas, do sexo feminino, prematuros com baixo peso ao nascer, gestações gemelares/múltiplas e com o aumento da idade da mãe.

Como um hemangioma está localizado no couro cabeludo, existe um mito errado de que ele não deve ser tocado, pode se infiltrar no cérebro ou pode sangrar caso ocorra algum sangramento. Isso não existe.

Os hemangiomas da infância são hereditários?

               Os hemangiomas da infância geralmente não ocorrem em famílias, mas raramente podem ser herdados. Eles são relativamente comuns, afetando cerca de 5% (1 em cada 20) dos bebês.

Como são os hemangiomas da infância?

               A maioria afeta a face, mas qualquer parte da pele ou outro órgão pode estar envolvida. A aparência muda rapidamente durante o início da vida. Uma pequena marca vermelha ou inchaço pode ser visível no nascimento ou se desenvolver durante as primeiras semanas de vida. Isso pode aumentar de tamanho geralmente mais rapidamente nos primeiros 3 meses. Mudanças adicionais são geralmente mais lentas e graduais por até doze meses. Normalmente, o hemangioma diminui de tamanho por até 10 anos (“regressão”). No entanto, alguns hemangiomas não crescem muito e alguns não diminuem.

               Os hemangiomas com um componente mais profundo aparecem como um inchaço sob a pele e podem ter uma cor azulada. Outras vezes, os hemangiomas podem ser múltiplos ou podem ser muito grandes e cobrir uma grande área de pele (hemangioma segmentar).

Quando um hemangioma encolhe, pode não deixar marca mas outros podem resolver com vasos sanguíneos residuais visíveisou  uma área pálida na pele.

Quais são os sintomas dos hemangiomas da pele?

               A maioria dos hemangiomas não causa sintomas, mas assustam, especialmente durante a fase de crescimento rápido. Raramente a pele sobre o hemangioma se rompe (ulcera), mais frequentemente na área da fralda. E pode ser doloroso. O sangramento da pele ulcerada pode ocorrer, mas raramente é grave e geralmente cessa com a aplicação de pressão.Hemangiomas perto do nariz ou da boca podem causar problemas respiratórios ou de alimentação. Hemangiomas crescendo muito perto do olho podem interferir no desenvolvimento da visão normal se estiver pressionando o olho.

               Crianças com mais de 5 hemangiomas da pele podem ter hemangiomas envolvendo órgãos internos, mais comumente o fígado. Um ultra-som ou outro exame pode ser recomendado.


 Hemangioma pode ser curado?

A maioria dos hemangiomas diminuirá gradualmente ou até desaparecerá completamente sem deixar marca. Embora muitos pequenos hemangiomas desapareçam completamente, com ou sem tratamento, algumas alterações cutâneas permanentes podem permanecer.

Como os hemangiomas da infância podem ser tratados?

A maioria dos hemangiomas não requer tratamento, exceto nas seguintes situações:

            Se o hemangioma for particularmente grande ou afetar áreas onde a resolução pode ser incompleta, como ao redor do nariz, lábios ou orelhas.

            Se o hemangioma estiver ulcerando (a superfície da pele está rompida)

            Se o hemangioma estiver interferindo em funções importantes, como alimentação ou respiração ou o desenvolvimento dos sentidos: ex. audição ou visão.

O tratamento pode consistir em um ou uma combinação dos seguintes e depende de uma cuidadosa avaliação médica:

    Uma solução tópica ou gel aplicado diretamente no hemangioma

    Medicamentos (oral por via oral ou por injeção)

    Terapia a laser

    Cirurgia

Especialmente no caso de bebês pequenos, uma lesão ulcerada dói e a dor pode ser aliviada simplesmente cobrindo a ferida (com antibióticos tópicos ou um curativo antiaderente).

Analgésicos leves (como acetaminofen ) ajudam.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Open chat
Fale comigo pelo WhatsApp!
Powered by